9/out/2020  Düsseldorf / Alemanha

Henkel reporta um desenvolvimento nas vendas no terceiro trimestre com base em números preliminares

Henkel apresenta um forte crescimento nas vendas orgânicas no terceiro trimestre e partilha nova previsão para o ano fiscal de 2020

  • Forte crescimento nas vendas orgânicas de +3,9% no terceiro trimestre
  • Todas as unidades de negócio reportam um crescimento nas vendas orgânicas
  • Previsão para o ano fiscal de 2020:
    • Crescimento nas vendas orgânicas: entre -1,0% e -2,0%
    • Margem EBIT ajustada*: entre 13,0% e 13,5%
    • Lucro ajustado por ação preferencial (EPS)* e taxas de câmbio constantes: diminuição num intervalo entre -18% e -22%

“Apesar de permanecermos num ambiente económico desafiante, como resultado da crise causada pela pandemia de coronavírus, a Henkel apresentou um forte crescimento nas vendas orgânicas de +3,9% no terceiro trimestre, como base em números preliminares de vendas. As vendas atingiram cerca de 5 mil milhões de euros e todas as unidades de negócios contribuíram para esse bom desempenho”, refere o CEO da Henkel, Carsten Knobel.

“Na unidade de Adhesive Technologies, todas as áreas de negócio apresentaram uma recuperação em relação ao segundo trimestre. Na unidade de Beauty Care, o negócio de Hair Salon também apresentou uma recuperação em relação ao segundo trimestre, enquanto o negócio de retalho obteve um crescimento significativo nas vendas orgânicas em comparação com o mesmo trimestre do ano anterior. A unidade de Laundry & Home Care também registou um crescimento significativo e, portanto, continuou o seu desenvolvimento bem-sucedido”, continuou Carsten Knobel.

Com base no desempenho preliminar dos negócios nos primeiros nove meses de 2020, a Henkel partilhou uma nova orientação para o ano fiscal de 2020, após a retirada da sua orientação para o ano inteiro em abril de 2020 devido ao elevado nível de incerteza causado pela pandemia de COVID-19.

Para o Grupo,  a Henkel espera agora um crescimento nas vendas orgânicas  entre   -1,0%  e  -2,0% no ano fiscal de 2020. Apesar de um estreito controlo de custos, o desenvolvimento dos lucros no ano interior será relativamente mais afetado do que as vendas, devido ao declínio significativo na procura no negócio industrial e no negócio de cabeleireiros, além de um aumento nos investimentos em marketing, publicidade, digitalização e TI. Ao nível do Grupo, a Henkel espera, portanto, uma margem EBIT ajustada num intervalo entre 13,0% e 13,5%. Espera-se que o lucro ajustado por ação preferencial (EPS) diminua entre -18% e -22% em taxas de câmbio constantes.

“O desenvolvimento nas vendas orgânicas no terceiro trimestre reflete o nosso robusto e diversificado portefólio com marcas de sucesso e tecnologias inovadoras para os nossos clientes nas unidades de negócio de bens de consumo e industriais. Estamos particularmente satisfeitos por todas as nossas unidades de negócio apresentarem um desenvolvimento positivo. Isso deveu-se em parte aos efeitos de recuperação no segundo trimestre, que foi particularmente afetado pela pandemia de coronavírus. Esperamos sentir os efeitos negativos da pandemia também no quatro trimestre, mas na nossa projeção para o ano não estamos a assumir uma nova dimensão de confinamento, como vimos em muitos países, especialmente no segundo trimestre. Em suma, estamos convencidos que estamos no caminho certo com o nosso foco estratégico no crescimento intencional e em sair mais fortes da crise. O nosso especial agradecimento aos nossos funcionários em todo o mundo, cujo excelente empenho teve um contributo decisivo para isso”, resumiu Carsten Knobel.

Desenvolvimento preliminar nas vendas no terceiro trimestre

Com base em números preliminares, a Henkel apresenta um crescimento nas vendas orgânicas, que exclui o impacto dos efeitos cambiais e aquisições/desinvestimentos, de +3,9%.

Com base em números preliminares, a unidade de negócios de Adhesive Technologies obteve um crescimento positivo nas vendas orgânicas de +1,3% no terceiro trimestre. Em comparação com o segundo trimestre, foi registada uma recuperação na procura em todas as unidades de negócio.

De acordo com os números preliminares, a unidade de negócios de Beauty Care apresentou um crescimento muito forte nas vendas orgânicas de +4,3%. Embora o desenvolvimento do negócio de Hair Salon tenha ficado abaixo do nível do trimestre equivalente do ano anterior, apesar da recuperação, o negócio de retalho alcançou um crescimento significativo nas vendas orgânicas no terceiro trimestre.

Graças à forte procura continua por produtos de Laundry & Home Care, bem como os efeitos de recuperação do segundo trimestre, os números preliminares para esta unidade de negócio indicam também um crescimento significativo nas vendas orgânicas no terceiro trimestre de +7,7%.

A Henkel publicará a sua declaração para o terceiro trimestre de 2020 a 10 de novembro de 2020.

Desenvolvimento preliminar das vendas nos primeiros nove meses de 2020

Com base nos números preliminares, a Henkel registou vendas totais de cerca de 14,5 mil milhões de euros nos primeiros nove meses de 2020. Isso traduz.se num declínio geral nas vendas orgânicas de -2,1%.

Nos primeiros nove meses de 2020, a unidade de negócios de Adhesive Technologies registou um declínio nas vendas orgânicas de -6,8%. As vendas na unidade de negócios de Beauty Care diminuíram organicamente em -4,2%. A unidade de negócios de Laundry & Home Care alcançou um forte crescimento nas vendas orgânicas de +5,8%.

Perspetivas para o Grupo Henkel em 2020

Com base no desenvolvimento dos negócios nos primeiros nove meses de 2020 e nas suposições atuais sobre o desempenho dos negócios no quarto trimestre, a Henkel emitiu uma nova perspetiva para o ano fiscal de 2020. Como resultado da dinâmica propagação da pandemia de COVID-19 e do elevado nível de incerteza sobre o impacto e desenvolvimento da economia global ao longo do ano, o Conselho de Administração da Henkel AG & Co. KGaA decidiu, a 7 de abril de 2020, não manter a previsão para o ano fiscal de 2020 que foi apresentada no Relatório Anual de 2019.

Devido aos efeitos da pandemia de COVID-19, as previsões atuais antecipam um desenvolvimento fortemente negativo da economia global em 2020. A nova perspetiva é baseada na suposição de que, no quarto trimestre, a procura industrial e a atividade dos negócios em importantes áreas para a Henkel ficarão abaixo do ano anterior, mas não se deteriorará significativamente. O fator decisivo neste contexto será o desenvolvimento futuro das taxas globais de infeção e o desenvolvimento de restrições relacionados à pandemia. Neste contexto, a Henkel assume que não haverá confinamentos gerais nas regiões centrais essenciais para a empresa no quarto trimestre de 2020.

Tendo em consideração esses desenvolvimentos, a Henkel espera um crescimento nas vendas orgânicas entre -1,0% e -2,0% ao nível do Grupo no ano fiscal de 2020.

Para a unidade de negócios de Adhesive Technologies, que provavelmente sofrerá um impacto significativo devido ao declínio acentuado na procura industrial no geral e, em particular, na indústria automóvel, a Henkel prevê um crescimento nas vendas orgânica num intervalo de -5,5% a -6,5%. Para a unidade de negócios de Beauty Care, atualmente, a Henkel antecipa um crescimento das vendas orgânicas num intervalo de -2,0% a -3,0%. Um declínio significativo no negócio de Hair Salon devido a pandemia, especialmente no primeiro trimestre, terá um impacto nesta unidade de negócios no ano fiscal completo. Para Laundry & Home Care, a Henkel espera um crescimento das vendas orgânicas num intervalo de +4,5 a +5,5%.

Ao nível do Grupo, a Henkel espera alcançar um retorno ajustado sobre as vendas (margem EBIT) num intervalo de 13,0% a 13,5%. Para a unidade de negócios de Adhesive Technologies, a Henkel espera uma margem EBIT num intervalo de 14,5% a 15,0%, para Beauty Care num intervalo de 10,0% a 10,5% e para Laundry & Home Care num intervalo de 15,0% a 15,5%.

A queda nas vendas nos negócios industriais e de Hair Salon devido a pandemia terá um impacto negativo na margem EBIT ajustada. Conforme anunciado no início do ano, a Henkel está também a aumentar os investimentos em marketing e publicidade, bem como na digitalização e TI.

Espera-se que o lucro ajustado por ação preferencial (EPS) em taxas de câmbio constantes caia num intervalo de -18% a -22%.


* Ajustada por despesas e receitas não recorrentes e despesas de reestruturação.

Este documento contém declarações prospetivas baseadas nas estimativas e premissas atuais feitas pela Administração Corporativa da Henkel AG & Co. KGaA. Declarações prospetivas são caracterizadas pelo uso de palavras como esperar, pretender, planear, prever, assumir, acreditar, estimar, antecipar e formulações semelhantes. Estas expressões não devem ser entendidas, de forma alguma, como garantias de que essas expectativas se tornarão realidade. O desempenho futuro e os resultados realmente alcançados pela Henkel AG & Co. KGaA e suas empresas afiliadas dependem de uma série de riscos e incertezas e podem, portanto, diferir das declarações prospetivas efetuadas. Muitos destes fatores estão fora do controlo da Henkel e não podem ser precisamente estimados com antecedência, como a conjuntura económica futura e as ações dos concorrentes e outros envolvidos no mercado. A Henkel não planeia nem se compromete a atualizar as declarações de prospeção.

Este documento inclui – na estrutura de relatório financeiro aplicável não claramente definida – medidas financeiras suplementares que são ou podem ser medidas de desempenho alternativas (medidas não baseadas no GAAP). Essas medidas financeiras complementares não devem ser vistas isoladamente ou como alternativas às medidas dos ativos líquidos e das posições financeiras ou resultados operacionais da Henkel, conforme apresentadas de acordo com a estrutura de relatório financeiro aplicável nas suas Demonstrações Financeiras Consolidadas. Outras empresas que relatam ou descrevem medidas de desempenho alternativas com título semelhante podem calculá-las de forma diferente.

Este documento foi emitido apenas para fins informativos e não se destina a constituir um aviso de investimento ou uma oferta de venda, ou uma solicitação de uma oferta de compra, quaisquer valores mobiliários.