17/mai/2022  Düsseldorf / Alemanha

Promovendo a diversidade de género

Henkel quer alcançar igualdade de género até 2025

  • A empresa alemã quer alcançar a igualdade de género em todos os cargos de direção até 2025
  • A percentagem de mulheres em cargos de direção é atualmente de 38% a nível global
  • Na Henkel Ibérica, a percentagem de mulheres em cargos de decisão ultrapassa os 44%
  • A Henkel desenvolveu um plano de ação abrangente com medidas concretas para promover a diversidade, equidade e inclusão

A Henkel anunciou a sua intenção de alcançar a igualdade de género em todos os cargos de direção até 2025. A proporção de mulheres em cargos de direção aumentará significativamente, tanto em cargos de topo como em cargos de junior e middle management. Com este objetivo, a Henkel reafirma o seu claro compromisso com uma organização mais diversificada, equitativa e inclusiva com ações concretas e reais.

“Na Henkel, acreditamos que é nossa responsabilidade garantir a igualdade de acesso a oportunidades para todas as pessoas, e é por isso que estamos comprometidos com a diversidade", explica Carsten Knobel, CEO da Henkel. “Estamos convencidos de que a diversidade de género desempenhará um papel crucial no nosso futuro empresarial. A nossa agenda de crescimento baseia-se numa cultura colaborativa composta por pessoas capazes. Abraçar a diversidade e fortalecer a nossa cultura inclusiva são elementos-chave que nos permitem colaborar efetivamente, incluir diferentes perspetivas e capacitar-nos mutuamente – não apesar das nossas diferenças, mas sim por causa delas”.

Nos últimos anos, a Henkel aumentou claramente a proporção de mulheres em cargos de direção, chegando agora a 38%. “Fizemos um bom progresso, mas é necessário progredir ainda mais. Alcançar a igualdade de género em todos os níveis da empresa é uma meta muito ambiciosa. Estamos totalmente comprometidos em acelerar e intensificar ainda mais os nossos esforços com programas e ações concretos para aproveitar todo o potencial da nossa diversidade”, refere Sylvie Nicol, CHRO da Henkel. “Vamos promover mentalidades e relações mais inclusivas e construir estruturas e processos ainda mais equitativos e transparentes”.

Plano de Ação para uma maior diversidade de género

Para promover uma maior diversidade de género, a Henkel acelerará ainda mais os programas e medidas dedicados aos seus colaboradores – desde o processo de recrutamento até ao desenvolvimento e retenção de talento. Isso implica incluir a diversidade de género no processo de seleção e atração de talento; um plano bem elaborado de promoções e sucessão de cargos; maior consciencialização a nível interno sobre a diversidade; programas de inclusão e cursos sobre preconceito; expansão de novos modelos de trabalho, como liderança partilhada ou liderança parcial; e aprofundamento de iniciativas de mentoring e networking sobre diversidade em nível global.

Diversidade, Equidade e Inclusão

Em 2007, a Henkel foi uma das primeiras empresas alemãs da DAX a estabelecer uma equipa de trabalho global dedicada exclusivamente à diversidade. Hoje, diversidade, equidade e inclusão (DEI) estão profundamente enraizadas na estratégia e na cultura corporativa da empresa. A luta por uma maior diversidade de género é um elemento-chave na estratégia de diversidade holística da empresa, que inclui outras dimensões como internacionalidade e etnia, orientação sexual, deficiência e diferentes gerações trabalhando juntas. A Henkel aspira a impulsionar significativamente o progresso em todas essas dimensões. Para consolidar essa aspiração em todas as áreas da empresa e colocá-la em prática, a empresa também estabeleceu uma rede DEI em toda a empresa que trabalha de forma colaborativa em todos os departamentos e regiões.

O compromisso com a igualdade na Henkel Ibérica

Cada região, país, unidade de negócios e função deve contribuir para alcançar o objetivo estabelecido pela empresa em nível global. Por essa mesma convicção, a Henkel Ibérica tem há anos programas que garantem a igualdade de acesso a oportunidades de trabalho e cargos de responsabilidade. A subsidiária é pioneira na implementação de medidas específicas de contratação, desenvolvimento e retenção com as quais tem sido possível que, atualmente, o total de colaboradores da Henkel Ibérica seja constituído por 39% de mulheres, e em cargos de direção a percentagem de mulheres ultrapasse já os 44%, o que significa que a nível local a subsidiária esteja já muito próxima de atingir a meta estabelecida para 2025.